g2h

terça-feira, 15 de setembro de 2009

parque ibirapuera perto do aeroporto

Já na década de 1920, o então prefeito da cidade - José Pires do Rio - idealizou a transformação daquela área em um parque semelhante aos existentes na Europa e Estados Unidos da América, como o Bois de Boulogne em Paris, o Hyde Park em Londres ou o Central Park em Nova Iorque. O obstáculo representado pelo terreno alagadiço, no entanto, frustrou a idéia, até que um modesto funcionário da prefeitura, Manuel Lopes de Oliveira, conhecido como Manequinho Lopes, apaixonado por plantas, iniciou em 1927 o plantio de centenas de eucaliptos australianos, cujo objetivo era a drenagem do solo .
O Obelisco de São Paulo.
O Parque Ibirapuera é o mais importante e famoso parque urbano da cidade de São Paulo. Foi inaugurado em 21 de agosto de 1954 para a comemoração do quarto centenário da cidade e só perde em tamanho para o Parque do Carmo.
Localização Moema, São Paulo, Brasil
Inaugurado 21 de agosto de 1954
Administrado por Prefeitura de São Paulo
A região alagadiça (Ibirapuera (ypi-ra-ouêra) significa "pau podre ou árvore apodrecida" em língua tupi; "ibirá", árvore, "puera", o que já foi) que havia sido parte de uma aldeia indígena na época da colonização, era até então uma área de chácaras e pastagens.
Finalmente, em 1951, o então governador Lucas Nogueira Garcez institui uma comissão mista - composta por representantes dos poderes públicos e da iniciativa privada - para que o Parque do Ibirapuera se tornasse o marco das comemorações do IV Centenário da cidade.
Jardim japonês do parque, foto por Stella Dauer.


Fontes do parque em época natalina, foto por Silvio Tanaka
Coube ao arquiteto Oscar Niemeyer a responsabilidade pelo projeto arquitetônico e a Roberto Burle Marx, o projeto paisagístico (embora este nunca tenha sido executado), sendo, no entanto, construído o projeto do engenheiro agrônomo Otávio Augusto Teixeira Mendes.
Três anos depois, no entanto, o aniversário da cidade, em 25 de janeiro de 1954, não pode contar com a inauguração do Parque, que só ficaria concluído sete meses depois. A inauguração em agosto, contou com 640 estandes montados por treze estados e dezenove países, merecendo destaque a construção, pelo Japão, de uma réplica do Palácio Katura, ainda hoje atração do Parque e conhecida como Pavilhão Japonês.
Desde 1999, a Sabesp - empresa de saneamento paulista, instalou uma estação de flotação, garantindo a qualidade das águas dos lagos que compõem o parque.
Fontes do parque em época natalina, foto por Silvio Tanaka.

Além do Pavilhão Japonês, outras construções da época da inauguração fazem parte hoje do conjunto arquitetônico do Parque:

* o Palácio das Indústrias, hoje Pavilhão Cicillo Matarazzo, atual sede da Bienal de São Paulo e do Museu de Arte Contemporânea (MAC);
* o Palácio das Nações, conhecido como Pavilhão Manuel da Nóbrega, que foi sede da Prefeitura até 1992 e hoje abriga o Museu Afro Brasil;
* o Palácio das Exposições também chamado de Pavilhão Lucas Nogueira Garcez ou de Oca - antiga sede do Museu da Aeronáutica e do Museu do Folclore;
* o Palácio dos Estados - atual Pavilhão Eng. Armando de Arruda Pereira, antiga sede da PRODAM (Empresa de Tecnologia da Informação e Comunicação do Município de São Paulo);


* o Palácio da Agricultura - atual sede do DETRAN (Departamento de Trânsito) e que foi construído inicialmente para abrigar a Secretaria da Agricultura;
* a Grande Marquise - local onde está situado o Museu de Arte Moderna (MAM);
* o Ginásio de Esportes, o Velódromo (o primeiro existente no país) e o conjunto de lagos.
* o Obelisco do Ibirapuera, símbolo da Revolução Constitucionalista de 1932, o monumento de 72 metros de altura é também mausoléu dos estudantes MMDC.
* o Monumento às Bandeiras, monumento em homenagem aos bandeirantes.

De construção mais recente podem ser citados o Viveiro Manequinho Lopes, o Planetário e a Escola Municipal de Astrofísica. A última construção concluída no parque foi o Auditório Ibirapuera (inaugurado em 2005), edificação que constava nos planos iniciais do arquiteto, mas que não havia sido executada.

Antes do auditório, concluiu-se o Monumento a Pedro Álvares Cabral, de Pedro Morrone, por ocasião dos 500 anos do Descobrimento do Brasil. A peça possui 5 metros em bronze, e seu pedestal em mármore mede 2 m x 1,80 m x 1,84 m.
Galeria de Fotos


Fontes do parque em época natalina, foto por Silvio Tanaka.
Auditório Ibirapuera à noite Ponte sobre um dos lagos do parque Museu de Arte Moderna de S.Paulo Oca

Bienal de São Paulo: Pavilhão Ciccillo Matarazzo Fotografia aérea do Ginásio de Esportes Monumento às Bandeiras Museu Afro Brasil

O Parque do Ibirapuera se localiza no bairro Moema - São Paulo. O parque é um polígono formado pelas seguintes avenidas:

* Av. Vinte Tres de Maio
* Av. Quarto Centenário
* Av. República do Líbano
* Av. Pedro Álvares Cabral

Estende-se por uma área de 1,584 km², e os seus três lagos artificiais e interligados ocupam 15,7 mil m².



O parque conta com ciclovias e treze quadras iluminadas, além de pistas destinadas a cooper, passeios e descanso, todas integradas à área cultural.

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
http://pt.wikipedia.org/wiki/

Fontes do parque em época natalina, foto por Silvio Tanaka.

Um comentário:

  1. Vou fazer uma viagem pra conhecer essa maravilha! Vai ser muito pronto sem dúvida! É bom pra mim ter estas notas.

    ResponderExcluir

Postagens populares

Google+ Badge